Vasco

PROVOCAÇÃO: Alan Patrick, sobre jejum do Vasco:
PROVOCAÇÃO: Alan Patrick, sobre jejum do Vasco: "Acho que continuarão sem vencer"
  • 10:12

PROVOCAÇÃO: Alan Patrick, sobre jejum do Vasco: "Acho que continuarão sem vencer"

Meia dá risadinha indicativa de que provavelmente iniciará a partida contra o Vasco, domingo, em Cuiabá

Embora o Flamengo esteja na zona de rebaixamento, é inegável que a situação do arquirrival é pior. O Vasco é o lanterna e ainda não venceu no Brasileiro 2015. O meia Alan Patrick, cotado para iniciar o clássico do próximo domingo, em Cuiabá, mostrou confiança e disse acreditar que o adversário seguirá em jejum de triunfos.

- Sabemos que o Brasileiro é muito nivelado e difícil, e temos que trabalhar em cima disso, procurando regularidade e subir na tabela. A gente não procura estar pensando muito na situação do adversário. Olhamos muito vídeos, avaliamos, mas, quanto à situação deles, eu não quero saber. Diante do Flamengo acho que eles não vão conseguir a vitória que ainda não tiveram. Acho que vão seguir sem vencer - insistiu.

Utilizado por Cristóvão em time que contava com a maioria de titulares nas duas atividades aberta à imprensa nesta quarta-feira, Alan deu risadinha reveladora quando perguntado se iniciará o clássico. 

- Não sei se vocês já estavam aqui, mas o professor fez um trabalho tático, não sei se vocês acompanharam antes. Acho que mais próximo do jogo, lá para sexta-feira, vocês vão saber quem vai jogar - afirmou com um largo sorriso no rosto.

O Rubro-Negro, 17º colocado com sete pontos, encara o arquirrival Vasco, lanterna da competição com três, no domingo, às 18h30 (de Brasília), em Cuiabá, no Mato Grosso.

Estilo do futebol carioca e o que espera do clássico

Jogo importante, é meu primeiro Flamengo e Vasco. Espero estrear nesse clássico com vitória. Eu, que acompanhei de longe, o futebol carioca é diferente do Sul, onde é mais truncado. O jogo é mais jogado (no Rio), já vi muitos jogos do Carioca, que sai muitos gols. Jogo aberto, em que os times não ficam com medo. Tem tudo para ser um grande jogo. Visão que tenho é de que os times vão seguir jogando aberto.

O que um jogador precisa para assumir a 10?

Acho que tem que fazer o que todo mundo espera de um 10, armar as jogadas, chegar de trás finalizando. Eu tenho essa característica, e quando a gente entra ali tem a função de armar a equipe. É claro que outros companheiros também fazem isso, há outros que fazem essa função muito bem. Estão todos aguardando a chance e espero assumir o meio-campo quando tiver a minha.

Time pronto para o clássico?

Preparado. Está sendo uma das últimas semanas que temos para trabalhar a semana toda. Professor busca estar sempre passando no que está errado e os pontos positivos também. Equipe preparada para fazer um grande jogo e conquistar a vitória.

Entrosamento com a chegada de reforços 

Não temos tempo, chegamos no meio e temos que nos adaptar o mais rápido possível. É procurar o entrosamento dentro de campo, nos jogos. O entrosamento tem que ser para ontem.

Jogo fora do Rio

Seria legal se fosse no Maracanã, mas vai ser uma viagem normal como a gente costuma quando sai para jogar fora. E a nossa torcida vai estar lá também. Já ouvi falar que lá para aqueles lados tem bastante torcedores No Brasil todo é difícil você não achar flamenguistas (risos). 



FONTE: GE